Blog
Reservas

3o Curiosidades

VOLTAR

 

• Construído em 1986, Le Guanahani é um dos hotéis originais de St. Barth’s.

Vida aquática: Le Guanahani é a única propriedade da ilha que oferece duas praias e duas piscinas.

• Le Guanahani é o único hotel que possui trilha na propriedade, localizada no Morne.

Diversão para crianças: Le Guanahani é o único hotel que oferece um programa infantil durante todo o ano.

Cozinhe sua pesca: Um dos programas diferenciais do hotel inclui excursão com um pescador local, seguida de um jantar no qual é servida a pesca do hóspede preparada por um chef.

• Grand Cul-de-Sac é um local privilegiado para a prática de kite-surf.

Ao seu dispor: O hotel possui dois concierges da associação Clef d’Or na equipe, com mais de 20 anos de serviço combinados. A distinção é conquistada por um rigoroso processo de treinamento e experiência.

• O hotel investiu $40 milhões em melhorias no design, entre 2011 e 2015, que trouxeram novos interiores de quarto e suíte, uma coleção de mobília customizada, espaços públicos repensados e uma nova identidade de marca.

• O design do interior do hotel foi inspirado por um único objeto: o Chapéu Panamá. Para o designer Luis Pons, o chapéu incorpora o estilo de vida e a ambientação do Le Guanahani, combinando funcionalidade, elegância e suavidade.

• Os aparadores nos beirais das vilas coloridas do hotel, conhecido como “Guanahani”, é design tradicional de St. Barth e uma expressão autêntica do artesanato e estilo da ilha.

Azul & Verde: Le Guanahani está no processo de receber o certificado Green Globe.

Na Reserva: Le Guanahani é localizado entre as reservas protegidas de Grand Cul-de-Sac, Baía Marigot e praia de Maréchal, três das cinco zonas que compreendem o parque marinho Réserve Naturelle da ilha, de 2500 acres.

Pensamento ecológico: St. Barth é uma ilha “seca”, sem fontes naturais de água potável. O hotel é equipado com duas usinas de dessalinização que enviam a salmoura residual para o mar, sem perturbar o ecossistema.

• Le Guanahani oferece uma vista excepcional do céu noturno. A Via Láctea, luas cheias, constelações, planetas, chuvas de meteoros e, algumas vezes, a Estação Espacial Internacional pode ser vista do hotel.

Vida marinha: tubarões-lixa, cardumes de peixes-cirurgião, corais Elkhorn, conchas, lagostas, lulas e baiacus podem ser vistos durante mergulhos em Grand Cul-de-Sac e Baía Marigot.

• Do fim de janeiro ao começo de abril, baleias jubarte viajam de locais de reprodução ao sul para pontos de alimentação na costa noroeste, passando por Le Guanahani. Elas podem ser vistas surgindo fora do recife e, embaixo d’água, é possível ouvir o canto de caça delas.

• Grand Cul-de-Sac e Baía Marigot servem como lar para espécies de tartarugas marinhas, ao longo do ano. Durante o período de formação de ninhos das Tartarugas Verdes, equipe e hóspedes do hotel ajudam a vigiar as praias. Uma noite, centenas de bebês chocaram e os hóspedes que estavam jantando em Indigo correparam para ajudar os filhotes a achar o caminho para o mar.

• Muitas famílias de tartarugas terrestres de vários tipos e tamanhos vivem na propriedade. Os números estão sempre crescendo, já que elas são muito férteis. Os hóspedes mais novos do Le Guanahani ganham uma tartaruga de pelúcia como recordação da estadia.

• Iguanas também habitam a exuberante paisagem do hotel. A maior, Iguana Oscar, vive na La Villa. Aos 15 anos, ele tem quase um metro e meio de comprimento, e pesa por volta de 4 kg. Oscar pode ser visto frequentemente pegando sol nas espreguiçadeiras da villa. Quando está sociável, bate a cabeça nas portas de vidro de correr das suítes.

• Alguns gatos amigáveis também chamam Le Guanahani de lar. Bandit, Feliz e Guana dão boas-vindas aos hóspedes quando eles passam por La Boutique, enquanto os mais velhos, Bouba e Banchette, podem provavelmente ser encontrados próximos à área de Recursos Humanos.

• St. Barth tem a maior concentração de Mini Coopers fora da fábrica de Mini Coopers, no Reino Unido. Os hóspedes de Le Guanahani podem alugar um para um dia de tour pela ilha, no hotel.

Mergulhe: O diretor administrativo Martein van Wagenberg mergulha no oceano todos os dias. Os hóspedes tem um convite permanente para se juntar a ele… às sete da manhã!

• Queen Latifah cantou, uma vez, no Le Guanahani; a performance espetacular dela foi o ponto alto de um dos casamentos mais bonitos que o hotel já recebeu.

• Para deleite dos hóspedes, Le Guanahani foi locação do concurso Miss França em 1997.

• As principais modelos do mundo, incluindo Tyra Banks, Helena Christensen e Claudia Schiffer, são rostos familiares no hotel. Victoria Secret realiza sessões de fotos no Le Guanahani há 20 anos.

• Claudia Schiffer fez seu primeiro video de exercícios, “Perfectly Fit”, em 1995 no Le Guanahani.

• Le Guanahani tem parceria com a modelo de bem-estar e antiga super modelo Estelle Lefébure para oferecer programas de bem-estar baseados no método exclusivo Orahe no hotel em 2016.

• O hotel estreou o sossegado Spa de Clarins em 2004. O spa oferece tratamento de pele especializado e tratamentos corporais inspirados na ilha.

Viagem do Descobrimento: Cristóvão Colombo encontrou as Pequenas Antilhas em sua segunda viagem, em 1493. Ele nomeou St. Barthélemy em homenagem a seu irmão, Bartolomeo.

• Antes da França tomar controle em 1878, a ilha de St. Barth esteve sob posse da França, da Ordem de Malta, da Grã-Bretanha, da Suécia e de vários corsários, ladrões e piratas.

 

Fechar

Reservations